Barcelona com as amigas

Com as amigas em Barna

Com as amigas em Barna

Aêêêêêê! Demorou, mas saiu! Ei-lo, meu relato da viagem a Barcelona 🙂

Em maio, eu e mais 5 amigas fomos passar 6 dias (5 noites) em Barcelona. Foi a minha primeira vez na Espanha e eu tinha certeza que ia amar, não poderia ser diferente né?

Passei 15 meses planejando, pesquisando hotéis, localizacão, onde comer, o que comer, o que fazer, o que ver… como se locomover etc. e tal. E todo o planejamento valeu – a viagem foi perfeita em termos de companhia e aproveitamento! O objetivo da nossa viagem era um lugar quente, com um certo agito, com uma boa culinária e de preferência com praia. Barcelona tem tudo isso e muito mais.

Hospedagem

Optamos por alugar um apartamento, o que saiu bem mais barato e bem mais íntimo e exclusivo. Encontramos um apêzão pelo Rent4Days (super recomendado), bem no meio da Passeig de Gràcia, no bairro do Eixample, quase em frente da Casa Batlò. Lá chegamos ao meio-dia de uma segunda feira ensolarada e quente. Como moramos na Dinamarca, estávamos meio que desesperadas por sol – então não tinha melhor lugar pra ir do que pra praia 🙂

Barceloneta

Colocamos nossas pernocas de fora e fomos pra Barceloneta. A caminhada foi um pouquinho longa, passando pelas Ramblas, mas íamos conversando e olhando tudo, curtindo todas as novidades, principalmente a novidade de não ter hora pra voltar pra casa, não ter janta pra fazer, não ter filho pra buscar na creche. Todas nós temos filhos pequenos, que ficaram em casa com os respectivos papais.

Caminhada pra Barceloneta

Caminhada pra Barceloneta

Chegando na Barceloneta, comemos uns sanduichinhos e bebemos uma sangria maravilhosa no Buenas Migas – estávamos famintas e adoramos a escolha do local para uma comidinha rápida. Recomendado!

A praia da Barceloneta tem um clima incrível, uma alegria contagiante, um super astral mesmo! Alugamos espreguicadeiras e ficamos lá que nem crocodilo na beira do rio, absorvendo vitamina D. Enquanto estávamos lá esticadas, diversas pessoas conversaram com a gente: o alugador das cadeiras, o garcon do barzinho, as tailandesas massagistas… uma onda. Era maio e o calor ainda não estava suficiente pra gente animar de entrar na água, mas eu fui lá e molhei meus pezinhos.

Ao entardecer, caminhamos por todo Passeig de Joan de Borbó, tomamos sorvete, e às 8 horas tínhamos mesa reservada no Nass Restaurant.

Avaliacão geral do Nass: bom atendimento, comida gostosa, mas ficamos meio decepcionadas porque alguns itens do menu estavam “em falta”. Coisa chata é você escolher um prato do menu e ouvir que “ah, esse não temos no momento”. E o que tinha, era limitado – por exemplo, algumas de nós pedimos um prato e ouvimos “só temos mais 2 desses”, resultado, as outras tiveram que achar outra coisa pra comer. E a mesma coisa aconteceu com a sobremesa – não tinha suficiente, tivemos que dividir. Chato, né?

Eixample e o Modernismo de Gaudí

Acordamos cedo e fomos pro Parc Güell, arquitetado pelo gênio do modernismo Gaudí. Tínhamos comprado o ingresso pela net, recomendo muitíssimo – economizamos tanto tempo de filas! Fomos de metrô e subimos a escadaria toda, mas valeu a pena.

Parc Güell

Parc Güell

O Parc Güell é uma coisa linda de se ver e sentir. A mistura de cores e formas é alucinante, dá vontade de ficar lá o dia todo. Eu pensei em todos os filmes que já vi e que usaram esse parque como cenário: O Albergue Espanhol (um favorito!), Vicky, Cristina, Barcelona, etc.

De lá batemos perna até a Sagrada Família e por várias ruelinhas do Eixample. Muitas lojinhas, cafés, muita vida 🙂 Não entramos na Sagrada Familia dessa vez, fica pra próxima.

Sagrada Família

Sagrada Família

Almocamos no Tapas 24, que ficava do ladinho do nosso apê. Definitivamente as melhores tapas que comemos durante nossa estadia e é esse restaurante que eu recomendo se você estiver no Eixample.

Tapas 24

Tapas 24

Cansou de tapas? Passe no 9Reinas. Restaurante argentino onde comemos a melhor carne do século, com um vinho dos deuses e um atendimento impecável, absolutamente maravilhoso, o gerente Emiliano foi um SUPER host. Inesquecível, voltaremos!

No último dia fomos ver a Casa Batlló. Que espetáculo! A visita comeca com um guia audio-visual que vai explicando cada cômodo da casa e contando uma história sobre ele. Maravilhoso, fiquei emocionada em vários trechos. Como era nossa primeira vez em Barcelona, não dava pra fazer/ver tudo, então tivemos que escolher entre algumas atracões – assim, entre a La Pedrera (Casa Milá) e a Casa Batlló, ficamos com essa última.

Não deixe de comprar os ingressos pela internet, com antecedência.

Casa Batlló

Casa Batlló

O Eixample é um excelente local para compras: tem moda (Zara, Mango, etc), esportes (Nike Store, FC Barcelona Official store), design, enfim, de tudo um pouco. Você vai sair de lá chei@ de sacolas!

Montjuic

Planejamos passar cada dia em uma região diferente, pra evitar grandes deslocamentos o tempo todo. Também enxugamos bastante o número de atracões a serem visitadas, pra evitar correria e pressa, justamente tudo que a gente tinha deixado em casa.

Então a quarta feira foi o dia de Montjuic. Pegamos o metrô cedinho e descemos na estacão Paral.lel, e de lá pegamos o funicular até a base do morro, onde pegamos o teleférico pro Castelo.

Monument a la Sardana

Monument a la Sardana

Lá em cima apreciamos a vista da cidade a partir de vários ângulos diferentes. Vimos o porto, vimos a cidade incluindo a Sagrada Familia e o Parc Güell. Optamos por não entrar no castelo, e só curtir a vista.

Vista de Montjuic

Vista de Montjuic

A partir dali, fomos descendo em direcão ao Museu Nacional d’Art de Catalunya (também não entramos) e descendo pela Placa de les Cascades, lindíssima!

MNAC

MNAC

Estávamos famintas e eu tinha lido em muitos lugares que uma boa pedida de comida nessa região era o Quimet & Quimet.  Descemos pela avenida Paral.lel até chegar lá, uma caminhada considerável debaixo de sol quente, e quando chegamos lá, bom, quem avisa amigo é: o local é um cubículo com umas 2 mesinhas altas e um balcão, onde come-se de pé. Era tarde, umas 3 horas; mas eu tinha lido que um tal montadito de salmão com cream cheese era algo assim, divino e resolvi fazer o pedido no balcão. Aqui tivemos nossa única experiência desagradável com o servico em geral durante toda nossa estadia. Foi-nos dito rispidamente que era tarde demais e que não tinham mais nada quase, e só tinham um desses montaditos. Nessa hora duas do nosso grupoi resolveram sair e ir comer um fast food na esquina. Eu e as outras insistimos e fizemos um pedido de algumas tapas e alguns montaditos. Tudo que nos foi servido estava muito marromenos e frio. Pra mim, não importa que “era tarde”; importa que, se o local está ABERTO, deve servir uma comida decente e atender bem os clientes. Nada que comemos ali valeu a viagem e o atendimento medíocre. Saímos dali e nos juntamos às outras no fast-food. Não recomendo!

 Cidade Antiga

A parte antiga de Barcelona – Raval, Bairro Gótico, Born – é maravilhosa. Ali é pra se andar sem pressa, se perder nas ruelinhas e experimentar várias comidinhas.

Granja no Bairro Gótico

Granja no Bairro Gótico

No dia que passamos por ali, visitamos o Museu Picasso – definitivamente obrigatório. Destaque para a série Las Meninas, obra de Diego Velazquez que Picasso recriou em 58 versões. Compre os ingressos pelo site – a fila para comprar ingressos aqui era enorme, e você não vai querer perder seu tempo numa fila!

Botero no Raval

Botero no Raval

Outra de nossas melhores experiências de tapas foi aqui no El Xampanyet. Um botequinho pequeno mas com algumas mesas (tente ir fora dos horários de pico), é bem apertadinho mas muito gostoso e confortável. Excelentes tapas, excelente atendimento e uma cava baratíssima e deliciosa! Eu diria que foi a nossa experiência gastronômica mais autêntica de toda a viagem.

Balada

Embora eu prefira dormir, tinha decidido que pelo menos uma noite ia curtir a balada com as amigas. Afinal, era Barcelona com as amigas, néam.

Infelizmente os dois locais por onde passei foram grandes erros… rs. Explico. A Sala Apolo não é pra mim. Na noite que fomos (quinta-feira, Cupcake) o público era extremamente jovem, alternativo, sujinho, além do local em si ser bem sujo. A música era anos 80-90. Nos divertimos porque estávamos juntas, mas pelamor. Nada a ver comigo.

A outra furada foi o Boca Chica, um bar phyno que me fez me sentir adolescente – o público lá era 50+ e apesar de eu obviamente não ter absolutamente nada contra pessoas acima de 50 anos, não era extamente o que eu estava procurando naquele momento de solteira-por-uma-semana.  Além disso, não curti meu cocktail.

Espero que s dicas sejam úteis. E fiquem a vontade para perguntar 🙂

Anúncios

Sobre Flavia

Uma brasileira que saiu do Brasil à francesa em 2003 e nunca mais voltou
Esse post foi publicado em Check In, Viajando. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Barcelona com as amigas

  1. Maria disse:

    Flávia, eu passei pra perguntar algo completamente fora do contexto desse post. Tenho uma amiga que quer viajar como Au Pair e aí lembrei de você, afinal acompanho a sua saga desde os tempos da França. Eu até lembro que você uma vez indicou uns sites onde era possível oferecer e pesquisar serviços como au pair. Você pode me passar novamente? Obrigado, bjo.

    • Flavia disse:

      Oi Maria! Que legal ouvir de alguém que me acompanha há tanto tempo! O site que eu usava para encontrar famílias na minha época de au pair era o Greataupair.com – tem muito tempo que eu não visito o site, espero que ainda esteja tão bom quanto era na época 🙂

      Pretendo escrever um post sobre au pair em breve, aguarde!

      Abraco grande

      • Maria disse:

        Super obrigado, vou repassar à ela. Pois é, eu lembro de te acompanhar primeiro por uma coluna em uma revista eletrônica (era Paradoxo? Não lembro), depois o blog onde você narrava as aventuras com o menininho francês e até a sua ida pra Dinamarca. Faz bastante tempo né? É bacana a gente reencontrar a pessoa online e ver que ela está bem e feliz. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s